Lei da atração e a vaga de emprego

A Lei da Atração e o Emprego

Image 02

Muitas pessoas nos questionam sobre o porquê de usar a Lei da Atração para conseguir o Emprego dos Sonhos, se a Lei da Atração ensina que eu posso ter tudo o que eu quiser usando o poder da mente. A resposta é simples: nem todo mundo quer a mesma coisa. Para você, a realização pessoal pode estar numa vida de viagens, com o dinheiro trabalhando para você no banco, para outros, a plenitude está numa casa espaçosa e a possibilidade de trocar de carro, todos os outros. Para outras pessoas, está em se sentir realizado, ponto seu talento em prática no emprego dos sonhos.

“O trabalho dignifica o homem”. A frase de um dos fundadores da Sociologia, Max Weber, expressa bem a crença de boa parte dos brasileiros. Com a popularização do ensino superior na última década, sobraram graduados e faltaram postos de trabalho. Quantos amigos e ex-colegas de faculdade seus se formaram num curso e atuam em outra área, inclusive, por falta de oportunidade de exercer a profissão que sempre sonhou.

Usar a Lei da Atração para atrair o emprego dos sonhos não é nenhum problema, até porque sentir-se realizado e sentir-se feliz fazendo o que sempre sonhou, faz muito ao ego. Não adianta muito você querer atrair dinheiro e riqueza, se sua felicidade não for completa. O poder do pensamento pode ser usado para conseguir boas oportunidades no mercado de trabalho.

Abaixo, daremos algumas dicas de como atrair o emprego dos sonhos usando o poder da mente. A primeira delas, é escolher qual é o cargo e a empresa em que você quer trabalhar. Para que você atraia o que deseja, é importante, saber exatamente o que quer. Depois disso, é importante fazer com que a empresa saiba que você existe. Enviar seu currículo é um passo fundamental. É importante saber a quem entregar para que assim você possa usar a influência da hipnose à distância.

Com o currículo entregue e a certeza do seu desejo, a terceiro passo é sugestionar, à distância, que você seja chamado para uma entrevista. Para isso, você deve usar as visualizações como ferramenta do processo de atração do emprego dos sonhos. Imagine seu telefone tocando, você criando uma grande expectativa em atender, pois sabe que é da empresa, você atende a ligação e nela, está sendo chamado para uma entrevista com a pessoa. Repita esta visualização várias vezes ao dia ao ponto de sentir feliz, como se aquilo fosse realidade.

A quarta etapa pode ser feita antes mesmo da pessoa realmente te chamar para uma entrevista/seleção. Imagine-se no emprego. Viva, nestas visualizações, o seu desejo. Visualize-se no emprego dos sonhos, você exercendo suas funções, sendo elogiado pelas pessoas certas, seus bom convívio com os colegas de trabalho. Repita esta visualização também várias vezes ao dia. Aqui cabe você também você desenhar seu crachá num papel, mesmo que de forma rudimentar. Escreva o nome da empresa, logo abaixo, seu nome e função. Outra dica é você escrever cartas/e-mails para pessoas/familiares que morem longe. Nestes textos, diga que conseguiu o emprego que queria, qual é o seu salário, como você está feliz neste ambiente e seus planos para o futuro nesta empresa.

Lembre-se que para dar certo é preciso viver como se aquilo já acontecesse. Se você sabe quem é a pessoa que autoriza sua contratação, você pode mandar mensagens mentais para que ela lembre-se de você e goste de você ao ponto de você ser o centro das atenções. Com técnicas de hipnose à distância você pode facilitar esta influência. Uma dica de como fazer uso é mandar uma mensagem semelhante a esta repetidas vezes “Atenção fulano (diga o nome da pessoa), eu (diga seu nome) sou o candidato mais preparado para a vaga de (diga o nome do cargo/vaga que deseja)”. Diga isto mentalmente e visualize esta mensagem entrando no cérebro da pessoa.

Meus pensamentos estão criando durante meus sonhos?

Jerry: Eu gostaria de compreender o mundo dos sonhos. Estamos criando em nossos sonhos? Estamos atraindo qualquer coisa atraves dos pensamentos que temos ou vivenciamos em nossos sonhos?

Abraham: Não. Enquanto dorme, você retira a sua consciência da realidade física tempo-espaço e deixa temporariamente de atrair.
O que você pensa e sente no estado de sonho está sintonizado com o que se manifesta em sua experiência de vida. Seus sonhos lhe dão um vislumbre do que você criou ou do que está criando – mas você não cria enquanto está sonhando.
Como você desenvolveu seu modo de pensar gradativamente ao longo de um extenso período de tempo, muitas vezes só percebe o padrão de seus pensamentos quando eles se manifestam concretamente em sua experiência. Os sonhos são valiosos porque indicam a direção dos seus pensamentos, e isso pode ajudá-lo a reconhecê-la antes que os pensamentos se materializem em sua experiência. Embora seja possível, é difícil mudar alguma coisa indesejada depois que ela se manifesta. É muito mais fácil corrigir a direção de seus pensamentos, indicada por seus sonhos, do que mudá-la quando já é uma manifestação concreta em sua vida.

Do livro “A Lei Universal da Atração”, de Esther e Jerry Hicks.

A CIÊNCIA DE FICAR RICO

Existe um universo de lei e ordem e há princípios e leis que

regem todas as experiências, condições e fatos. Há uma lei

definida de causa e efeito para tudo. A ciência de ficar rico baseiase

na lei da crença. “Se podes crer, tudo é possível ao que crê”.

(Marcos 9:23). A lei da vida é a lei da crença. Acreditar é

sinceramente aceitar alguma coisa como verdadeira. Acredite

numa vida de abundância, feliz e de sucesso e viva na alegre

expectativa do que há de melhor, que invariavelmente tudo isso

será seu. É a crença do homem que faz a diferença entre riqueza e

pobreza, entre sucesso e fracasso e entre saúde e doença. Há uma

lei cósmica que diz que pensamentos de certo tipo sempre

produzem efeitos do mesmo tipo; assim sendo, todo homem que

ousadamente reivindica as riquezas de Deus, as obterá.

Um exemplo de como superar uma crença indesejada

Jerry: Você pode dar um exemplo do que quer dizer com “superar uma crença”?

Abraham: O seu Sistema de Orientação Emocional funciona melhor quando você está irradiando intenções deliberadas e contínuas do que deseja. Digamos que em seu Exercício Criativo você pretendia ter excelente saúde e se visualizou como um ser saudável e vital. Depois do Exercício, você está almoçando com uma amiga que fala insistentemente sobre sua própria doença. Enquanto ela fala sobre a doença, você começa a sentir muito desconforto e perturbação. Nesse momento, seu Sistema de Orientação Emocional está lhe indicando que aquilo que você está ouvindo e em que está pensando – a partir do que sua amiga está falando – não se encontra em harmonia com sua intenção. Você toma então a decisão muito clara de impedir que a doença continue a ser o tema da conversa. Tenta mudar de assunto, mas, como sua amiga está muito excitada e obcecada pelo problema, ela insiste nele. Mais uma vez, os sinos de alarme do seu Sistema de Orientação Emocional começam a tocar.
O motivo pelo qual você está sentindo emoções negativas não é causado apenas pelo fato de sua amiga estar falando sobre um assunto que lhe faz mal. A sua emoção negativa indica que a conversa de sua amiga ativou dentro de você crenças que desafiam seu desejo de bem-estar físico. Não basta se afastar da amiga para mudar essas crenças. É preciso começar a mudar, direcionando- a para uma que esteja mais em harmonia com seu desejo de bem-estar físico.
Sempre que sentir emoções negativas, é útil parar e reconhecer o pensamento que estava presente quando elas vieram à tona. A emoção negativa é preciosa porque está lhe dizendo que aquilo em que você está pensando tem peso pra você e é o oposto do que realmente deseja. Portanto, perguntas como “O que eu estava pensando quando essa emoção negativa veio à tona?” e “O que de fato eu quero em relação a isso?” o ajudarão a perceber se você está, em determinado momento, concentrando em algo diretamente oposto ao que realmente deseja atrair para a sua experiência.
Por exemplo: “Sobre o que eu estava pensando quando essa emoção negativa veio à tona? Eu estava pensando que estamos na época das gripes e me lembrei de que no ano passado minha gripe evoluiu para uma pneumonia e eu tive que ser hospitalizado. O que eu quero de fato? Quero permanecer saudável este ano.”
Mas dizer apenas “Quero permanecer saudável” em geral não basta nessas circustâncias, porque a memória da pneumonia e sua crença sobre a probabilidade de pegar a gripe são muito mais fortes do que seu desejo de permanecer bem.

Tentaríamos superar nossas crenças da seguinte maneira:
*Esta é geralmente a época do ano em que pego uma gripe.
*Não quero pegar uma gripe este ano
*Espero não pegar uma gripe este ano.
*Parece que todo mundo pega gripe.
*Isso talvez seja um exagero. Nem todos ficam gripados.
*Na realiidade, durante muitos anos eu não peguei gripe.
*É bem possível que este ano eu não pegue uma gripe.
*Gosto da idéia de ser saudável.
*Aquela experiência com gripe no ano passado ocorreu antes de eu perceber que posso controlar minha experiência.
*Agora que compreendo o poder dos meus próprios pensamentos as coisas mudaram.
*Agora que compreendo o poder da Lei da Atração, as coisas mudaram.
*Não preciso pegar gripe este ano.
*Não preciso vivenciar nada que não queira.
*Posso direcionar meus pensamentos para coisas que de fato desejo vivenciar.
*Gosto da idéia de direcionar minha vida para coisas que de fato quero vivenciar.

Agora, você superou a crença. Se o pensamento negativo retornar – e talvez continue a fazê-lo por algum tempo -, direcione seus pensamentos mais deliberadamente até que, por fim, ele não voltará mais.

Do livro “A Lei Universal da Atração”, de Esther e Jerry Hicks.

relacionamento e lei atracao

Relacionamentos e Lei da Atração

Há muitas técnicas de lei da Atração a sua disposição para atrair relacionamentos que você deseja.

Alguns exemplos: visualização, quadro de visão, imaginar e agir como se o/a parceiro/a já estivesse com você, etc.

Essas técnicas funcionam e ajudam você a conquistar o que deseja — neste caso, o relacionamento sonhado — mas provavelmente você já percebeu também que isso não é o suficiente. Apesar da visualização, apesar das fotos, apesar do pensamento positivo, não acontece o relacionamento que busca.
Sim, há vários outros aspectos que as pessoas não percebem ou pensam que sabem, mas praticam de maneira inadequada.

Veja isto: “Semelhante atrai semelhante”.
As pessoas se esquecem do fundamental. Querem atrair pessoas espeíficas , descrevendo- as em detalhes, mas se esquecem de que a atração ocorre através de sua vibração, e esta, por sua vez, é o reflexo de quem elas são. Se você não está atraindo o relacionamento que quer, observe como está vibrando. E de onde vem essa vibração? Acertou: você mesmo.

Outro: “Você atrai aquilo que dá atenção, foco ou energia…”.
E quando o relacionamento está desgasstado, as pessoas fazem exatamente isso: dão atenção para os defeitos da outra pessoa. Justamente as coisas de que não gostam. E assim o relacionamento se deteriora cada vez mais.

Estes são apenas dois dos aspectos importantes para atrair qualquer coisa. Inclusive o relacionamento.

Mizuji Kajii

http://www.mizuji. com/LA-RELACIONA MENTO.HTM

Como usar melhor a lei da atracao

Jerry: Há muitas maneiras diferentes de, consciente ou deliberadamente, usar a Lei da Atração?

Abraham: Começaremos dizendo que você a está sempre utilizando, tenha consciência ou não disso. Você não pode parar de usá-la porque ela é inerente a tudo o que você faz. Mas gostamos da sua pergunta porque você quer entender como pode usá-la deliberadamente para alcançar aquilo que intencionalmente deseja.
É fundamental, antes de tudo, ter consciência de que a Lei da Atração existe. Como a Lei da Atração está sempre respondendo a seus pensamentos, se você os concentra deliberadamente, eles adquirem mais poder.
Escolha assuntos que lhe interessem e pense neles de maneira positiva e benéfica. Ou seja , procure os aspectos positivos dos assuntos importantes para você. Quando você escolher um pensamento, a Lei da Atração passará logo a atrair mais pensamentos sintonizados com ele e o tornará mais poderoso.
Ao manter-se concentrado no assunto de sua escolha, o seu ponto de atração sobre este assunto se tornará muito mais poderoso do que se sua mente pulasse de um assunto para outro. Há uma imensa força na concentração.
Quando escolher intencionalmente os pensamentos sobre as coisas que está fazendo, e até sobre as pessoas com quem convive, você sentirá o benefício da Lei da Atração. Conviver com pessoas que gostam de você e o valorizam estimula seus próprios pensamentos de auto-estima. Quando você convive com pessoas que só vêem seus defeitos, esta percepção negativa muitas vezes também se torna seu ponto de atração.
Quando compreender que qualquer coisa a que você esteja dedicado sua atenção vai ficando maior (porque e Lei da Atração diz que precisa ser assim), você será mais capaz de selecionar as coisas que começa a observar com atenção. É muito mais fácil mudar a direção de seus pensamentos nos estágios iniciais antes de eles terem adquirido força. Mas é possível mudar a direção dos seus pensamentos a qualquer momento.

Do livro “A Lei Universal da Atração” , de Esther e Jerry Hicks.

Explicacoes

…transcrito entre antonio que busca e tom o ajudando, muito bom tom!

Oi Antonio

Você disse: “A mais de um ano aprendi a Lei da Atração”.

Bom, eu acho que a Lei da Atração é algo que estamos aprendendo continuamente e refinando esse aprendizado. Na verdade, a mais de um ano você CONHECEU a Lei da Atração, e agora esse seus problemas se colocam na sua vida pra que você vá refinando essa aprendizagem.

Então vamos lá, a Lei da Atração nos diz: “vibrações semelhantes se atraem”.

Isso significa que você tem vibrado uma “energia” que é semelhante aos seus problemas, e por isso eles se materializaram.

Talvez isso esteja acontecendo por que muitas vezes ao mentalizarmos aquilo que queremos, não nos colocamos alinhados ao nosso desejo, ou seja, não conjugamos mente e emoção. Nossa mente visualiza o que nós desejamos, mas nosso sentimento é de dúvida, de incerteza, de desconfiança. Logo, vibramos uma vibração confusa pro Universo. E é essa confusão que se materializa. ..

Nesse momento com seus sentimentos negativos em relação a seus problemas, isso pode virar uma bola de neve. Quanto mais mal você se sente, pior fica sua vibração, e mais coisas ruins se materializam. ..

Eu recomendaria a você tentar mudar seus sentimentos através de uma mudança de pensamento.

Como?? Evocando imagens, visualizações, que te tragam bons sentimentos. Nesse exercício vale tudo. Imaginar-se rico, imaginar-se voando, imaginar-se na praia, imaginar-se dançando sua música preferida. Ou seja, vale tudo pra você transformar seu sentimento no melhor possível e assim ir, pouco a pouco, melhorando sua vibração.

Ou fazendo algo que você gosta: ouvindo sua música preferida, vendo um ótimo filme, passeando com uma pessoa querida, etc…(aí só você pode saber quais coisas elevam seus sentimentos)

Às vezes essa melhora se dá aos poucos, não tente saltar da tristeza para uma enorme alegria em apenas uma visualização. Essa mudança de vibração é melhor ser feita aos poucos, pois assim vamos aprendendo a ter mais controle sobre nossa mente e emoção. E não corremos o risco de pular de volta pra tristeza de uma hora pra outra.

Entao, resumindo, o primeiro conselho é esse: Dê mais atenção a suas emoções. Elas precisam vibrar o melhor possível pro Universo.

Pode levar um certo tempo pra aprender a mudar nossa emoção através do pensamento, mas é um aprendizado que é muito compensador.

Outro conselho é o seguinte: para materializarmos qualquer coisa precisamos de dois fatores: o desejo e a crença. O desejo é o que queremos. A crença é o que acreditamos. Crença e desejo também precisam estar conjugados.

Se uma pessoa quer um aumento de salário (desejo), mas lá no fundo acredita que seu patrão é um unha de fome e nunca vai dar aumento de salário nenhum (crença), também temos um conflito aí. Meu desejo diz sim, mas minha crença diz não.

Se eu invisto grana num projeto porque quero muito prosperar (desejo), mas estou sempre preocupado com a situação econômica do país (crença), tenho um conflito.

Então o segundo conselho seria: Dê uma revisada em suas crenças. Você acredita que ganhar dinheiro é facil ou difícil?? Você acredita que você merece ser rico e bem de vida?? Ou lá no fundo você acredita que quem tem muito dinheiro é egoísta?? Ou lá no fundo uma vozinha te diz que ganhar muito dinheiro não é algo aprovado por Deus??

Ao detectar suas crenças negativas, você deve transformá-las em positivas. Esse é um processo que requer prática.

Por exemplo, se acredito que “ganhar dinheiro é difícil”, posso mudar essa crença para “é muito fácil ganhar dinheiro”.

E aí, você deve falar essa sua nova crença, pensar nela, mantê-la viva em você. Pois toda crença é um hábito de pensamento. Você se habituou numa crença ruim, e agora precisa se habituar numa crença boa.

Quanto mais você fala sua nova crença, pensa nela, mantém ela viva dentro de você, mais você estará preparando que seu futuro corresponda a ela.

Atenção: quanto melhor você estiver se sentindo ao falar sobre sua nova crença, mais rápido ela se estabelece em sua mente, e mais rápido se materializa. (Vale o que disse antes: mente e emoção conjugadas).

Um abração,
Tom

Enviado por: “Tom Vasques” tomvasques@yahoo.com.br   tomvasques

Sex, 7 de Mar de 2008 6:39 pm

Pensar numa coisa significa convocá-la

Pensar numa coisa significa convocá-la

Quanto melhor você compreender o poder da Lei da Atração, mais se empenhará em deliberadamente direcionar seus pensamentos, poque você obtém aquilo em que pensa, quer queira, quer não.
Sem exceção, aquilo em que pensa é o que você começa a convocar para a sua experiência. Quando pensa em algo que deseja, a Lei da Atração faz esse pensamento ir se tornando cada vez maior e mais poderoso. Quando pensa em alguma coisa que não quer, a Lei da Atração age da mesma forma e o pensamento cresce cada vez mais. E quanto maior o pensamento se torna, mais poder ele atrai para si e mais certamente você irá receber aquilo que desejou ou que não desejou.
Quando você vê algo que gostaria de vivenciar e diz “Sim, eu gostaria de ter isso”, a atenção que você dá a essa coisa a convoca para a sua experiência. Porém, quando vê algo que não quer vivenciar e grita “Não, não, não quero isso!”, a sua atenção também atrai essa coisa para a sua experiência. Nesse Universo baseado na atração, a exclusão simplesmente não existe. Quando concentra sua atenção em qualquer coisa – desejada ou indesejada -, você a inclui na sua vibração. Se mantiver a concentração por um bom tempo, a Lei da Atração a trará para a sua experiência. Não adianta gritar ante algo que você rejeita “Não, não quero isso! Vá embora!”. Como você concentrou sua atenção nele, você o chama para a sua experiência.
Felizmente, aqui na sua realidade física tempo-espaço, as manifestações não acontecem na sua experiência instantaneamente. Há um maravilhoso tempo de preparo entre o momento em que você começa a pensar em alguma coisa e aquele em que ela se manifesta concretamente. Esse tempo de preparo lhe dá a oportunidade de cada vez mais redirecionar sua atenção para o que você de fato deseja.
E como se faz isso? Ficando atento para as emoções que qualquer pensamento lhe desperta. Assim que começa a pensar em alguma coisa, muito antes de ela se manifestar na sua experiência, você pode saber, pela maneira como se sente, se é algo que você quer que se manifeste ou não. Esse momento é fundamental para fazer uma escolha consciente e deliberada. Porque, se não prestar atenção na emoção despertada pelo pensamento, ele crescerá, se tornará mais poderoso e acabará se manifestando em sua experiência. Quer você queira ou não. Vamos voltar a essa questão.
Quando refletir sobre o que está lendo e começar a notar a relação entre aquilo em que está pensando e falando e aquilo que está acontecendo em sua vida, você começará a compreender a poderosa Lei da Atração. E quando intencionalmente direcionar seus pensamentos e se concentrar nas coisas que de fato quer atrair para a sua experiência você começará a receber a experiência de vida que deseja em relação a tudo.
O seu mundo físico é um lugar vasto e heterogêneo com uma surpreendente variedade de circunstâncias e acontecimentos, alguns que você aprova (e gostaria de vivenciar) e outros que você desaprova (e não gostaria de vivenciar).
Você está aqui para criar ao seu redor o mundo que você escolhe e, ao mesmo tempo, permitir que o mundo como os outros querem que seja também exista. E, embora as escolhas dos outros não precisem interferir de forma alguma nas suas, a atenção que você dá ao que eles estão escolhendo afeta a sua vibração e o seu próprio ponto de atração.

Do livro “A Lei Universal da Atração”, de Esther e Jerry Hicks

Emprego quando aparecem ? procurando trabalho

Jerry: Digamos que uma pessoa procura emprego durante muito tempo; quando finalmente consegue uma colocação, imediatamente surgem outras quatro ou cinco ofertas. Por que isso acontece?

Abraham: A demora em conseguir o emprego se deu porque, ao invés de se concentrar no trabalho que desejava, a pessoa se concentrou na falta do trabalho, afastando-o. Como o trabalho apareceu, ela se concentrou no que desejava e assim começou a receber mais do que tinha pedido. As pessoas se torturam sem necessidade e não se permitem oferecer pensamentos livres de contradições.

Do livro “A Lei Universal da Atração”, de Esther e Jerry Hicks.