dinheiro

Qualquer ser humano suficientemente maduro para compreender o valor do dinheiro aspira a tê-lo. Mas aspirar ao dinheiro não traz riquezas. Desejar riquezas com um estado de espírito que se torna uma obsessão, depois planear formas precisas e meios de adquirir as riquezas, e sustentar esses planos com persistência – uma persistência que não reconheça o falhanço – isso ira trazer riqueza.
In: Pense e Fique Rico – Napoleon Hill

UM ADVOGADO DESCOBRE A MÁGICA DOS DÍZIMOS

Expliquei a um advogado amigo meu, que me confiara um de
seus problemas, o significado espiritual dos dízimos. Esse
advogado tinha de ir a Nova Orleans tratar de interesses de um
cliente que lhe dissera que o advogado da Luisiana, com quem se
devia avistar, era uma pessoa desagradável, beligerante,
turbulenta e das menos cooperativas. Sugeri-lhe que utilizasse os
dízimos, isto é, que supusesse que a ação de Deus se faria sentir
na mente e no coração daquele advogado e que seu julgamento e
convicção mentais seriam no sentido de se obter uma solução
divina, harmoniosa, que atendesse a todos os interessados.
Em vista disso, meu amigo advogado, antes da visita a seu
colega, rezou freqüentemente para que, no encontro em Nova
Orleans, reinasse a harmonia, a paz, o amor e a compreensão, o
que realmente veio a acontecer, resultando numa solução legal e
financeira que satisfez a todos.
A ação e a reação são universais e constantes. Seu
pensamento é uma forma de ação e a reação é a resposta do seu
subconsciente condicionada pela natureza do seu pensamento.
O mais importante a considerar é que a idéia espiritual
(dízimo) que se encontra por trás de qualquer entrevista,
transação ou atividade é, na verdade, a sua realidade. Aquele
advogado constatou prontamente a verdade profunda de que tudo
que se faz é condicionado pela suposição feita e pela crença que se
tem em sua realização.

minha caixa de prosperidade

vou colocar na minha caixa , varias notas dessas agora

vou encher minha caixa agora

As riquezas sem limites de Deus fluem para mim com a rapidez que posso recebê-las e utilizá-las e todos os outros homens ficam a cada dia mais e mais ricos. Esta minha nova atitude tem produzido milagres em minha vida e meus rendimentos triplicaram em  apenas três meses!

minha carteira vai ter varias dessas notas que ja tenho !!


aceito doacoes tambem clique no meu ao lado >>>>>
sei que a atracao vai trazer pra mim muitos doadores !!!
obrigado pelo que recebi

 

Como usar melhor a lei da atracao

Jerry: Há muitas maneiras diferentes de, consciente ou deliberadamente, usar a Lei da Atração?

Abraham: Começaremos dizendo que você a está sempre utilizando, tenha consciência ou não disso. Você não pode parar de usá-la porque ela é inerente a tudo o que você faz. Mas gostamos da sua pergunta porque você quer entender como pode usá-la deliberadamente para alcançar aquilo que intencionalmente deseja.
É fundamental, antes de tudo, ter consciência de que a Lei da Atração existe. Como a Lei da Atração está sempre respondendo a seus pensamentos, se você os concentra deliberadamente, eles adquirem mais poder.
Escolha assuntos que lhe interessem e pense neles de maneira positiva e benéfica. Ou seja , procure os aspectos positivos dos assuntos importantes para você. Quando você escolher um pensamento, a Lei da Atração passará logo a atrair mais pensamentos sintonizados com ele e o tornará mais poderoso.
Ao manter-se concentrado no assunto de sua escolha, o seu ponto de atração sobre este assunto se tornará muito mais poderoso do que se sua mente pulasse de um assunto para outro. Há uma imensa força na concentração.
Quando escolher intencionalmente os pensamentos sobre as coisas que está fazendo, e até sobre as pessoas com quem convive, você sentirá o benefício da Lei da Atração. Conviver com pessoas que gostam de você e o valorizam estimula seus próprios pensamentos de auto-estima. Quando você convive com pessoas que só vêem seus defeitos, esta percepção negativa muitas vezes também se torna seu ponto de atração.
Quando compreender que qualquer coisa a que você esteja dedicado sua atenção vai ficando maior (porque e Lei da Atração diz que precisa ser assim), você será mais capaz de selecionar as coisas que começa a observar com atenção. É muito mais fácil mudar a direção de seus pensamentos nos estágios iniciais antes de eles terem adquirido força. Mas é possível mudar a direção dos seus pensamentos a qualquer momento.

Do livro “A Lei Universal da Atração” , de Esther e Jerry Hicks.

Pensar numa coisa significa convocá-la

Pensar numa coisa significa convocá-la

Quanto melhor você compreender o poder da Lei da Atração, mais se empenhará em deliberadamente direcionar seus pensamentos, poque você obtém aquilo em que pensa, quer queira, quer não.
Sem exceção, aquilo em que pensa é o que você começa a convocar para a sua experiência. Quando pensa em algo que deseja, a Lei da Atração faz esse pensamento ir se tornando cada vez maior e mais poderoso. Quando pensa em alguma coisa que não quer, a Lei da Atração age da mesma forma e o pensamento cresce cada vez mais. E quanto maior o pensamento se torna, mais poder ele atrai para si e mais certamente você irá receber aquilo que desejou ou que não desejou.
Quando você vê algo que gostaria de vivenciar e diz “Sim, eu gostaria de ter isso”, a atenção que você dá a essa coisa a convoca para a sua experiência. Porém, quando vê algo que não quer vivenciar e grita “Não, não, não quero isso!”, a sua atenção também atrai essa coisa para a sua experiência. Nesse Universo baseado na atração, a exclusão simplesmente não existe. Quando concentra sua atenção em qualquer coisa – desejada ou indesejada -, você a inclui na sua vibração. Se mantiver a concentração por um bom tempo, a Lei da Atração a trará para a sua experiência. Não adianta gritar ante algo que você rejeita “Não, não quero isso! Vá embora!”. Como você concentrou sua atenção nele, você o chama para a sua experiência.
Felizmente, aqui na sua realidade física tempo-espaço, as manifestações não acontecem na sua experiência instantaneamente. Há um maravilhoso tempo de preparo entre o momento em que você começa a pensar em alguma coisa e aquele em que ela se manifesta concretamente. Esse tempo de preparo lhe dá a oportunidade de cada vez mais redirecionar sua atenção para o que você de fato deseja.
E como se faz isso? Ficando atento para as emoções que qualquer pensamento lhe desperta. Assim que começa a pensar em alguma coisa, muito antes de ela se manifestar na sua experiência, você pode saber, pela maneira como se sente, se é algo que você quer que se manifeste ou não. Esse momento é fundamental para fazer uma escolha consciente e deliberada. Porque, se não prestar atenção na emoção despertada pelo pensamento, ele crescerá, se tornará mais poderoso e acabará se manifestando em sua experiência. Quer você queira ou não. Vamos voltar a essa questão.
Quando refletir sobre o que está lendo e começar a notar a relação entre aquilo em que está pensando e falando e aquilo que está acontecendo em sua vida, você começará a compreender a poderosa Lei da Atração. E quando intencionalmente direcionar seus pensamentos e se concentrar nas coisas que de fato quer atrair para a sua experiência você começará a receber a experiência de vida que deseja em relação a tudo.
O seu mundo físico é um lugar vasto e heterogêneo com uma surpreendente variedade de circunstâncias e acontecimentos, alguns que você aprova (e gostaria de vivenciar) e outros que você desaprova (e não gostaria de vivenciar).
Você está aqui para criar ao seu redor o mundo que você escolhe e, ao mesmo tempo, permitir que o mundo como os outros querem que seja também exista. E, embora as escolhas dos outros não precisem interferir de forma alguma nas suas, a atenção que você dá ao que eles estão escolhendo afeta a sua vibração e o seu próprio ponto de atração.

Do livro “A Lei Universal da Atração”, de Esther e Jerry Hicks

lei universal da atracao

Jerry: Bem, Abraham, suponho que o primeiro assunto que você discutirá em detalhes conosco é a Lei da Atração. Você disse que é a Lei mais poderosa.

Abraham: Além da Lei da Atração ser a mais poderosa no Universo, é absolutamente necessário compreendê-la. Tudo na sua vida e na vida daqueles que o cercam é afetado pela Lei da Atração. Ela é a base do que você vê se concretizando e de tudo o que entra em sua experiência. Compreender o que é a Lei da Atração e como ela funciona é essencial para que você viva a vida de alegria a que foi destinado quando veio ao mundo.
A Lei da Atração afirma: Coisas e vibrações semelhantes se atraem. Quando você fala “Dize-me com quem andas e te direi quem és”, está falando sobre a Lei da Atração. Você a constata quando acorda se sentindo infeliz, cheio de pensamentos negativos, e durante o dia as coisas pioram, fazendo com que no final da tarde você pense: “Eu não devia ter saído da cama”. Você vê a Lei da Atração evidenciada nas pessoas com quem convive quando nota que aquelas que falam mais sobre doenças adoecem, enquanto as que falam mais sobre prosperidade prosperam. A Lei da Atração fica evidente quando você ajusta o mostrador do seu rádio na posição 630AM e espera receber o sinal da 630AM porque sabe que os sinais entre a torre de transmissão e seu aparelho receptor precisam estar sintonizados.
Quando você começa a compreender a poderosa Lei da Atração, reconhece claramente a relação entre o que você pensou e o que realmente ocorre na sua experiência. Nada surge por acaso em sua vida. Você atrai tudo. Sem exceções.
Como a Lei da Atração responde aos pensamentos, e você pensa o tempo todo, é correto dizer que você está permanentemente criando a sua própria realidade. Tudo o que acontece em sua vida é atraído para você porque a Lei da Atração responde aos pensamentos que você cria. Quando lembra de alguma coisa do passado, quando observa algo no seu presente ou imagina alguma coisa sobre o seu futuro, o pensamento em que você se concentra ativa uma vibração dentro de você – e a Lei da Atração responde a essa vibração no mesmo momento.
Quando ouvem isso, as pessoas frequentemente protestam, dizendo que tem certeza de que não criaram coisas indesejadas em suas vidas. “Eu não teria feito isso comigo mesmo!”, afirmam. Nós sabemos que você não trouxe esse evento indesejado para a sua vida deliberadamente. Mas precisamos explicar que só você pode tê-la provocado, porque ninguém mais pode atrair para você o que lhe acontece. Como não compreendeu as Leis Universais, você atrai coisas indesejadas para a sua experiência quando se concentra nelas, mesmo sem se dar conta.
Para melhor compreender a Lei da Atração, imagine que você é um ímã atraindo a essência daquilo que está sentindo ou sobre o qual está pensando. Se está se sentindo gordo, não pode atrair a magreza. Se está se sentindo pobre, não pode atrair a properidade, e assim por diante. Isso desafia a Lei.

Do livro “A Lei Universal da Atração”, de Esther e Jerry Hicks