Como estou conseguindo o que estou conseguindo?

No início, quando insistimos em dizer que vocês são os criadores da sua própria realidade, você se alegrou, porque a maioria das pessoas deseja muito controlar suas próprias experiências. Mas, quando passam a compreender que tudo aquilo que vem pra vocês está sendo atraído por seus próprios pensamentos (você obtém aquilo que pensa, queira ou não), alguns se sentem desconfortáveis com o que lhes parece ser a árdua tarefa de monitorar pensamentos e oferecer apenas aqueles que produzirão as coisas que de fato querem.
      Não aconselhamos um controle de pensamentos, porque sabemos que seria incrivelmente desgastante e incômodo, mas, recomendamos, em vez disso, uma utilização consciente do seu Sistema de Orientação Emocional.
      Se você prestar atenção aos seus sentimentos, não será tão necessário monitorar seus pensamentos. Como já repeti, quando se sente bem, você está falando, pensando ou agindo em sintonia com suas intenções – e, quando se sente mal, não está alinhado com elas. Em resumo, sempre que houver uma emoção negativa, você estará, naquele momento, criando algo negativo, seja através do seu pensamento, da sua palavra ou da sua ação.
      O Processo da Criação Intencional& nbsp;é, portanto , a combinação de três coisas: ser mais deliberado em relação àquilo que quer, mais claro sobre o que pretende e mais sensível à maneira como se sente.

Do livro “A Lei Universal da Atração”, de Esther e Jerry Hicks

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.